terça-feira, 30 de janeiro de 2007

Uma volta sob si mesmo


Evitar falar de mim mesmo é fácil. Sempre acreditei que os egologs e os posts narcísicos refletiam o egocentrismo desesperado do isolamento destes relacionamentos de silício, mas mais do que isso são um verdadeiro pedido de ajuda, dentro de uma louca corrida desenfreada, de uma sociedade doente, verdadeiramente doente.

E eu adoeci, diante de um emprego e um curso de faculdade que eu odiava, simplesmente, por achar que por estar "traçado o caminho" o mais fácil seria deixar-se levar ao invés de reiventar com o giz da liberdade novos traçados, novos caminhos. Adoeci, por acreditar que tudo "seria do mesmo jeito", que a essência já estava pronta, sofrer, chorar e queimar emoções de forma concreta eram um sintoma de uma doença supostamente "inseparável".

Agora dei um basta. Ano passado foi transição, mas foi bom. Este ano será melhor. E se não o for farei-o melhor. Por que eu decidi VIVENCIAR minha liberdade(mesmo com as limitações desta sociedade doida...).

É mais fácil submeter-se ao pronto, reiventar-se é difícil, contudo profundamente prazeiroso, e eu pude respirar aos plenos pulmões a minha vontade de reinvenção. Guardei forças durante um longo ano e parti para a mudança interna. Com esta, reiventei-me externamente.

Espírito, corpo, mente... paixão... ah... paixão... tudo no momento certo! Tudo no momento certo... por que o momento certo é o agora, o que eu produzo e onde sou produzido...!

Enfim tranquilo e pronto a tomar aquele café com torta de nozes que eu sempre almejei.

Nova paixão, novo curso, nova faculdade, novas atitudes, novas concepções e percepções ajudaram a construir enfim, uma nova vida. Desta vez, nem um pseudoconto conseguiria explicar o que eu sinto. enfim merda! Enfim farei o curso que eu quero!!! A vida que eu quero!!!!

Foda-se o vestibular elite-pirâmidade-decadente-exclusivo! Foda-se!!! Eu passei e isto no momento é algo que importa!!! Estou dentro caralho!!!

2 comentários:

Anônimo disse...

Muito foda cara! Feliz por ti.

Fernando

jh disse...

parabéns, meu camarada!